Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
12 de março de 2019, 16h51

VÍDEO: Maria do Rosário pede abertura de CPI das Milícias

Em discurso na tribuna da Câmara, deputada diz que é preciso saber quem mandou matar Marielle e defendeu que as conexões da família Bolsonaro com as milícias sejam investigadas em uma CPI

Foto: Reprodução/Vídeo

A deputada federal Maria do Rosário (PT-RS) pediu a instalação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), com o objetivo central de apurar supostas ligação da família de Jair Bolsonaro com milícias do Rio de Janeiro. A solicitação foi feita durante discurso na tribuna da Câmara dos Deputados.

Nesta terça-feira (12) foram presos o policial militar reformado Ronnie Lessa, que morava no mesmo condomínio de Jair Bolsonaro, acusado de ter atirado em Marielle Franco e Anderson Gomes, além do ex-militar Élcio Vieira de Queiroz, acusado de dirigir o veículo de onde foram efetivados os disparos.

Leia também
Deputado do PT sugere afastamento de Flávio Bolsonaro até conclusão do caso Marielle

“Não é com satisfação que quase um ano depois do assassinato covarde de Marielle Franco nós ocupamos essa tribuna para dizer que chegam aos assassinos. Por que demorou muito para isso? Agora que nós sabemos que há um suspeito vizinho de Bolsonaro, Ronnie Lessa, policial reformado, suspeito de 13 tiros que destruíram a vida de Marielle Franco, é preciso saber quem mandou matar e as conexões da família Bolsonaro com as milícias devem ser motivo de uma CPI”, disse.

Inquérito

Segundo a deputada, “é preciso instalar nesse Parlamento a CPI das Milícias. É preciso que hoje no Senado Federal se abra inquérito sobre esse senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ). Eu solicito às Nações Unidas, à Anistia Internacional e à OEA que acompanhem as investigações, porque há indício de envolvimento de altos representantes políticos do Brasil com o crime organizado”, afirmou.

Assista.

Nossa sucursal em Brasília já está em ação. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Saiba mais.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum