Imprensa livre e independente
13 de dezembro de 2014, 18h31

PT responde a mais um factoide da “Veja”

"Lamentamos que denúncias sem provas sejam tomadas como verdadeiras", afirmou em nota a Secretaria Nacional de Finanças do partido sobre afirmações da Veja no caso Petrobras.

“Lamentamos que denúncias sem provas sejam tomadas como verdadeiras”, afirmou em nota a Secretaria Nacional de Finanças do partido sobre últimas afirmações da Veja no caso Petrobras Por Agência PT NOTA OFICIAL DA SECRETARIA NACIONAL DE FINANÇAS DO PT Em relação à reportagem da revista Veja dessa semana, essa secretaria esclarece: 1) O secretário nacional de Finanças do PT não manteve tratativas sobre doações ao partido com o senhor Alberto Youssef nem com nenhum de seus representantes. Esse fato foi confirmado pela senhora Meire Poza, chefe da contabilidade de Youssef, em depoimento à CPI Mista da Petrobras no último dia 8...

“Lamentamos que denúncias sem provas sejam tomadas como verdadeiras”, afirmou em nota a Secretaria Nacional de Finanças do partido sobre últimas afirmações da Veja no caso Petrobras

Por Agência PT

NOTA OFICIAL DA SECRETARIA NACIONAL DE FINANÇAS DO PT

Em relação à reportagem da revista Veja dessa semana, essa secretaria esclarece:

1) O secretário nacional de Finanças do PT não manteve tratativas sobre doações ao partido com o senhor Alberto Youssef nem com nenhum de seus representantes. Esse fato foi confirmado pela senhora Meire Poza, chefe da contabilidade de Youssef, em depoimento à CPI Mista da Petrobras no último dia 8 de outubro. No citado depoimento, Meire Poza destacou que sequer conhece o secretário João Vaccari Neto.

2) Vaccari Neto nunca se encontrou com o referido senhor Rafael Ângulo, não sabe quem ele é, nem foi apresentado ou mesmo teve notícia sobre sua existência até o dia de hoje. Lamentamos que denúncias sem provas sejam tomadas como verdadeiras.

Veja também:  Endividado, patrocinador de filme da Lava Jato entra em recuperação judicial

3) Todas as doações recebidas pelo PT são realizadas na forma da lei e as prestações de contas do partido são apresentadas regularmente às autoridades competentes.

São Paulo, 13 de dezembro de 2014

Foto de capa: Reprodução

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum