Ouça o Fórumcast, o podcast da Fórum
14 de novembro de 2019, 18h18

Lula diz que está pronto para o embate para 2022. Bolsonaro vai fugir?

Lula sabe que a guerra híbrida travada pela extrema-direita se dá, sobretudo, no campo da informação, do discurso. E quem vence, nem sempre é a verdade sobre os fatos

Foto: Ricardo Stuckert

Em discurso nesta quinta-feira (14) na reunião da executiva nacional do PT em Salvador, Lula deu a letra aos dirigentes do partido e confirmou que a estratégia é polarizar o debate eleitoral de olho em 2022.

Em 12 anos de poder – interrompido por um golpe parlamentar -, o PT mostrou ao Brasil e ao mundo que existe uma alternativa ao projeto neoliberal imposto pelo sistema financeiro e pelas transnacionais.

Lula ressaltou, em seu discurso, o legado das políticas sociais e de valorização de empresas estatais estratégicas – como bancos e a Petrobras – de seu governo e enfatizou o desmonte que vem sendo promovido à toque de caixa por Bolsonaro e Paulo Guedes tanto em um, quanto em outro.

Ele próprio lembrou que sempre polarizou com o discurso dos agentes do neoliberalismo no país e vale lembrar que desde que o próprio Lula foi eleito, em 2002, esse discurso não perdeu mais o embate democrático e nem as eleições – até mesmo porque o principal representante do modelo em 2018 se recusou a debater, em um pleito no mínimo discutível.

Lula sabe que a guerra híbrida travada pela extrema-direita se dá, sobretudo, no campo da informação, do discurso. E quem vence, nem sempre é a verdade sobre os fatos.

Mas, ressaltou que está disposto a ir para luta – pedindo a formulação de uma cartilha dos verdadeiros heróis populares do Brasil para municiar a militância.

Ignorante em economia, Bolsonaro leva a sua política econômica aos ventos do neoliberalismo pois sabe que só sendo subserviente à estrutura neoliberal ele se mantém no poder.

Bolsonaro não sabe o que defende e nem porque defende. Ganhou as eleições em 2018 com a máquina de propagar fake news sobre temas supérfluos – como kit gay, mamadeira de piroca – e fugindo dos debates sobre os assuntos que realmente são importantes para o Brasil.

Lula aproveitou o tempo na prisão para se aprofundar ainda mais na história de um Brasil revolucionário e popular que Bolsonaro tenta a todo custo apagar. Saiu da cadeia mais forte, mais humano e mais consciente, como mesmo disse. E está pronto para ir para o embate. Mesmo que Bolsonaro teime em fugir.

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum