segunda-feira, 26 out 2020
Publicidade

Arrogância leva empresário aos TT’s após escrachar mulher que não quis fazer entrevista no domingo

O pedido de desculpas do empresário foi mais arrogante ainda do que o próprio post. Veja aqui

O empresário Diego Vargas Ortiz, que se declara cofundador de uma empresa de marketing digital, reclamou no Linkedin de uma candidata a uma vaga em sua empresa que teria se recusado a fazer uma entrevista no domingo.

Diego recebeu inúmeras críticas pelo seu tom abusivo, sua publicação foi parar entre os assuntos mais comentados do Twitter. Por conta disso, ele teve que voltar atrás, apagar o post e pedir desculpas.

“Perguntei a uma candidata de uma vaga nossa se ela estaria livre domingo para uma entrevista por telefone”, começa o post de Ortiz. 

“‘Desculpe, não faço entrevistas finais de semana. Eu os reservo para relaxar. Pode ser segunda-feira?’ Respondi ‘Desculpe, não faço entrevistas dias de semana. Eu os utilizo para trabalhar. Mas agradeço o seu interesse. Boa sorte!’”, escreveu o empresário.

A seguir, ele ainda acrescenta: “Eu não sei quem foi o guru multimilionário que recomendou que as pessoas reservassem 2/7 dos seus dias para não se dedicarem ao seu crescimento pessoal e profissional. Se você pode se dar o prazer de negar emprego em pura pandemia, melhor realmente deixá-lo para alguém que o queira e precise – até esse alguém ser você”.

Diante da enorme repercussão negativa, Diego apagou seu post e pediu desculpas. Mas conseguiu ser mais arrogante ainda nas desculpas do que no post original:

“Não posso esperar das pessoas o que espero de mim mesmo”. Veja abaixo:

Julinho Bittencourt
Julinho Bittencourt
Jornalista, editor de Cultura da Fórum, cantor, compositor e violeiro com vários discos gravados, torcedor do Peixe, autor de peças e trilhas de teatro, ateu e devoto de São Gonçalo - o santo violeiro.