Bolsonaristas entram em pânico e admitem que presidente arregou; veja repercussão

Silas Malafaia disse que continua "aliado, mas não alienado"; já Allan dos Santos foi mais fatalista: "Game over"

A nota de recuo do presidente Jair Bolsonaro vem causando pânico entre seus influenciadores mais influentes.

Depois de incitar golpe, xingar ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e dizer que não vai cumprir decisões judiciais, o presidente viu uma contundente reação do presidente da Corte, Luiz Fux, e uma nova movimentação pelo impeachment no Congresso Nacional.

Isso o fez seguir os conselhos de Michel Temer e publicar, nesta quarta-feira (9), uma “carta de pacificação” em que admitiu discursos feitos “no calor do momento” e em que chegou até mesmo a elogiar o ministro Alexandre de Mores. O documento teria sido escrito pelo próprio Temer.

Trata-se de um banho de água fria para apoiadores do presidente que acreditaram em um golpe e na destituição de ministros do STF.

O pastor evangélico bolsonarista, Silas Malafaia, por exemplo, disse que continua aliado de Bolsonaro, mas não “alienado”.

Já o blogueiro Allan dos Santos foi mais fatalista: “Em nota oficial, Bolsonaro pediu desculpas pelas palavras no calor do momento. Na CNN, Temer afirma que escreveu a nota. GAME OVER”.

“A nota do Temer foi para mostrar que o povo não deve exercer seu poder diretamente. Não votei no Temer”, completou.

O comentarista de extrema-direita Rodrigo Constantino foi na mesma linha: “Dia 7: multidão nas ruas com pauta patriótica condenando o arbítrio Dia 9: Bolsonaro elogia China como essencial e pede desculpas ao STF. Game over”.

Publicidade
“O sistema declarou guerra ao povo. O presidente sucumbiu ao sistema”, escreveu ainda, adicionando que “Bolsonaro pode sair e deixar o presidento voltar ao poder”, em referência a Temer.

O perfil bolsonarista “Família Direita Brasil”, por sua vez, que tem mais de 200 mil seguidores, fez uma enquete questionando qual a opinião dos seguidores sobre a carta de Bolsonaro. A maioria votou pela opção “arregou”.

Já o influenciador bolsonarista Bernardo Küster tentou ser mais otimista: “Eu já vi este clima de desânimo e decepção quando o Moro saiu do Governo, mas, depois, todo mundo quebrou a cara”.

Publicidade

Confira, abaixo, mais reações entre bolsonaristas.

Avatar de Ivan Longo

Ivan Longo

Jornalista, editor de Política, desde 2014 na revista Fórum. Formado pela Faculdade Cásper Líbero (SP). Twitter @ivanlongo_

Você pode estar junto nesta luta

Fórum é um dos meios de comunicação mais importantes da história da mídia alternativa brasileira e latino-americana. Fazemos jornalismo há 20 anos com compromisso social. Nascemos no Fórum Social Mundial de 2001. Somos parte da resistência contra o neoliberalismo. Você pode fazer parte desta história apoiando nosso jornalismo.

APOIAR