Buscas pelo termo “Lula” e sobre como se filiar ao PT disparam no Google após divulgação da pesquisa Datafolha

As buscas pelos termos começaram a crescer entre às 18h e 19h, logo que veio à público a pesquisa eleitoral que mostra Lula liderando a corrida pelo Palácio do Planalto com ampla vantagem

Nesta quarta-feira (13) foi divulgada uma pesquisa Datafolha, a primeira desde que Lula restabeleceu seus direitos políticos, que mostra o petista liderando com ampla vantagem a corrida pela presidência da República nas eleições de 2022.

Segundo o estudo, Lula tem 41% das intenções de voto, que representa quase a soma das intenções de voto de todos os seus possíveis adversários. Em segundo lugar, o presidente Bolsonaro figura com 23%. Bem abaixo dele aparecem o ex-juiz Sérgio Moro, com 7%, o ex-ministro Ciro Gomes (PDT), com 6%, e o apresentador de televisão Luciano Huck, com 4%. O petista também derrota o atual titular do Planalto em um segundo turno, com mais de 20 pontos de vantagem, de acordo com a pesquisa.

Os números do levantamento, rapidamente, fizeram o termo “Lula” chegar à lista de assuntos mais comentados do Twitter. Na rede social, também viralizou uma postagem do cineasta Kleber Mendonça Filho, diretor do premiado filme Bacurau, afirmando, após a divulgação do estudo, que “é hora de se filiar ao PT”.

Essa repercussão refletiu nas buscas por “Lula” e sobre como se filiar ao PT no Google. Dados da plataforma Google Trends mostram que a procura pelo nome do ex-presidente no buscador atingiu seu maior pico, analisando o período de uma semana – entre os dias 6 e 13 de maio -, justamente às 19h do dia 12 de maio, uma hora após a pesquisa Datafolha ser divulgada.

Analisando o gráfico, é possível observar que às 18h do dia 12 as buscas pelo termo “Lula” começam a subir vertiginosamente. O Google Trends faz uma escala de 0 a 100 na popularidade do assunto e a procura pelo nome do ex-presidente no buscador saltou do índice 40 às 17h para o índice máximo de 100 às 19h.

Confira abaixo ou clicando aqui.

A maior parte das buscas pelo termo “Lula” após a divulgação do Datafolha se concentrou nos estados de Pernambuco, Distrito Federal, Piauí e Rio Grande do Norte.

Filiação ao PT

A procura sobre como se filiar ao PT no Google também disparou após a divulgação da pesquisa favorável ao ex-presidente Lula. As buscas por “filiar PT” começaram a crescer a partir das 19h desta quarta-feira (12), ganharam impulso a partir das 22h (o post de Kleber Mendonça Filho sobre se filiar ao partido foi feito às 21h30), e atingiram seu maior pico no período de uma semana à 0h desta quinta-feira (13).

O mesmo movimento pode ser observado através da análise por buscas pelo termo “filiação PT” somente nesta quarta-feira (12). O gráfico mostra um crescimento acentuado das buscas a partir das 19h.

Confira abaixo ou clicando aqui e aqui.

Avatar de Ivan Longo

Ivan Longo

Jornalista e repórter especial da Revista Fórum.