Em 1 mês, Sleeping Giants já tirou 440 mil de receita de sites e blogueiros de fake news

O movimento foi criado em 18 de maio e já mobilizou dezenas de empresas e derrubou vaquinhas virtuais bolsonaristas

O movimento Sleeping Giants Brasil, que consiste em fazer empresas desativarem anúncios automáticos reproduzidos em sites que disseminam notícias falsas e discurso de ódio, publicou uma balanço em suas redes sociais na terça-fera (23) detalhando o montante financeiro que conseguiu retirar durante os meses de maio e junho.

Segundo dados divulgado pelo grupo, as ações mobilizadas contra os sites Jornal da Cidade Online, Conexão Política e contra os blogueiros Sara Winter e Bernardo Kuster – alvos do inquérito das fake news no Supremo Tribunal Federal – somaram R$ 447.612.

Assim como o original, dos EUA, o movimento busca alertar as empresas de que a publicidade de seus produtos aparecem, de forma automática, em sites de extrema direita e/ou de fake news. Criado em 18 de maio, o perfil do grupo já possui 357 mil seguidores e mobilizou dezenas de marcas – incluindo órgãos públicos.

“Foram retirados em apenas um mês de Sleeping Giants Brasil aproximadamente R$448.000,00 das Fake News e discursos odiosos.
Agradecemos todos que nos ajudaram e pedimos pra que continuem com o #SleepingGiantsBrasil”, tuitou o movimento.

O Jornal da Cidade Online, primeiro alvo do grupo e conhecido como um dos maiores sites de fake news do país, perdeu cerca de R$ 257 mil em desmonetização dos anúncios e mais R$ 19 mil com a derrubada de uma vaquinha virtual. Já o Conexão Política, compartilhado por frequência pela família Bolsonaro, perdeu R$ 70,4 mil em anúncios e mais R$ 2,7 mil de uma campanha de financiamento.

Bernardo Kuster e Sara Winter, blogueiros que são alvo do STF no inquérito que investiga disseminação de notícias falsas e ataques virtuais, perderam R$ 16 mil e R$ 2,5 mil, respectivamente, em vaquinhas derrubadas pelo site Apoie.se. O grupo 300 do Brasil, comandado por Winter, também foi teve uma campanha de R$ 80 mil removida.

O site Brasil Sem Medo, ligado ao astrólogo Olavo de Carvalho – principal mentor intelectual do governo Bolsonaro -, não entrou no balanço, mas virou alvo do movimento no início de junho.

Avatar de Lucas Rocha

Lucas Rocha

Lucas Rocha é formado em jornalismo pela Escola de Comunicação da UFRJ e cursa mestrado em Políticas Públicas na FLACSO Brasil. Carioca, apaixonado por carnaval e latino-americanista convicto, é repórter da sucursal do Rio de Janeiro da Revista Fórum e apresentador do programa Fórum América Latina

Você pode estar junto nesta luta

Fórum é um dos meios de comunicação mais importantes da história da mídia alternativa brasileira e latino-americana. Fazemos jornalismo há 20 anos com compromisso social. Nascemos no Fórum Social Mundial de 2001. Somos parte da resistência contra o neoliberalismo. Você pode fazer parte desta história apoiando nosso jornalismo.

APOIAR