O que o brasileiro pensa?
30 de junho de 2020, 19h02

Esposa do dono da Embelleze afirma que marido não se posiciona sobre racismo porque “toca no bolso”

Monique Elias disse que o marido "não entra em bola dividida"; principal público alvo da marca são mulheres negras

Foto: Reprodução/ Instagram

A influencer Monique Elias, esposa do dono da marca de produtos de beleza Embelleze, afirmou que o marido não se posiciona a favor dos movimentos antirracistas por interesses financeiros. “É muito fácil ficar em cima do muro”, disse, em entrevista ao perfil Beyoncé Destruidora.

Monique tem mais de 1 milhão de seguidores no Instagram e é casada com o empresário Itamar Serpa Fernandes, fundador da marca Embelleze. A empresa, que nasceu como uma produtora de alisantes de cabelo, desenvolveu nos últimos anos uma série de produtos direcionados a cabelos cacheados e crespos e tem como principais consumidoras mulheres negras. Apesar disso, a marca não se manifestou sobre os movimentos antirracistas.

Questionada sobre o assunto, Monique, que fez alguns posts de apoio no seu perfil pessoal, afirmou que, para a empresa, o que importa mais é o dinheiro. “O Itamar me respondeu que ele não entra em bola dividida. Eu acredito que é muito fácil ficar em cima do muro, Cris. As pessoas não se posicionam sabe por quê? Porque toca na ferida, a ferida é o bolso”, disse.

Após ser alvo de críticas pelo comentário, Monique publicou, nesta terça (30), uma série de vídeos no seu Instagram pedindo para que as pessoas não se prendessem a notícias sensacionalistas e versões distorcidas do fato.

Ela ainda afirmou que era muito difícil se posicionar em oposição à própria família e disse seguir uma religião afro-brasileira, comentando sobre seus posicionamento pessoais nas redes.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum