Flávio Dino sobre Bolsonaro: “moto, jet ski e cercadinho; gestão e trabalho? Zero”

“O resultado é uma enorme crise de energia com racionamento ditado por tarifaço”, conclui o governador

O governador do Maranhão Flávio Dino (PSB) fez duras críticas ao presidente Jair Bolsonaro (Sem Partido) em sua conta do Twitter, na manhã desta quarta-feira (1º). De acordo com ele, sobram “passeios de moto, de jet ski, de cavalos; cercadinhos e lives; delírios golpistas e liberticidas”.

Para o governador, no entanto, “gestão administrativa e rotina de trabalho? Zero. O resultado é uma enorme crise de energia com racionamento ditado por tarifaço. Síntese da época de trevas simbólicas e literais”.

A coluna do Broadcast, do Estadão, apontou nesta terça-feira, que Bolsonaro colocou militares em pelo menos 24 posições estratégicas do setor de energia. A reportagem lembra que além do próprio ministro das Minas e Energia, general Bento Albuquerque, há mais oficiais nas lideranças de MME, Itaipu, Petrobras, bem como na superintendência da Agência Nacional de Petróleo (ANP).

A avaliação de especialistas, de acordo com o jornal, é que com o agravamento da crise energética, os alertas à população deveriam estar sendo feitos de forma mais contundente e as discussões sobre um eventual racionamento precisariam estar sendo aprofundadas neste momento.

Avatar de Julinho Bittencourt

Julinho Bittencourt

Jornalista, editor de Cultura da Fórum, cantor, compositor e violeiro com vários discos gravados, torcedor do Peixe, autor de peças e trilhas de teatro, ateu e devoto de São Gonçalo - o santo violeiro.

Você pode estar junto nesta luta

Fórum é um dos meios de comunicação mais importantes da história da mídia alternativa brasileira e latino-americana. Fazemos jornalismo há 20 anos com compromisso social. Nascemos no Fórum Social Mundial de 2001. Somos parte da resistência contra o neoliberalismo. Você pode fazer parte desta história apoiando nosso jornalismo.

APOIAR