Imprensa livre e independente
31 de janeiro de 2018, 10h16

Relembre: Sílvio Santos levou a ministra Zélia ao seu programa para explicar o confisco da poupança

Sempre do lado errado da história, o diretor e apresentador do SBT repetiu o disparate ao levar Temer para “explicar” goela abaixo a Reforma da Previdência

Sempre do lado errado da história, o diretor e apresentador do SBT repetiu o disparate ao levar Temer para “explicar” goela abaixo a Reforma da Previdência Da Redação* O apresentador e diretor do SBT, Sílvio Santos, levou ao seu programa, há 28 anos, a então ministra do governo Collor, Zélia Cardoso de Mello. Na ocasião, a ministra garantiu que o dinheiro confiscado da poupança dos brasileiros seria devolvido. Os depósitos foram, de fato, repostos em longas parcelas e sem a devida correção. Na conversão do então cruzado novo para a nova moeda, o cruzeiro, a inflação do mês foi desconsiderada,...

Sempre do lado errado da história, o diretor e apresentador do SBT repetiu o disparate ao levar Temer para “explicar” goela abaixo a Reforma da Previdência

Da Redação*

O apresentador e diretor do SBT, Sílvio Santos, levou ao seu programa, há 28 anos, a então ministra do governo Collor, Zélia Cardoso de Mello.

Na ocasião, a ministra garantiu que o dinheiro confiscado da poupança dos brasileiros seria devolvido. Os depósitos foram, de fato, repostos em longas parcelas e sem a devida correção. Na conversão do então cruzado novo para a nova moeda, o cruzeiro, a inflação do mês foi desconsiderada, gerando uma pendenga judicial que se arrasta até hoje.

Cálculos de vários economistas garantem que a bolada devida pelo governo à população confiscada é algo que fica entre R$ 8 Bilhões e R$ 16 Bilhões.

Quase 30 anos depois, Sílvio Santos insistiu no erro e levou Michel Temer ao seu programa, desta vez para “explicar” goela abaixo da população a Reforma da Previdência.

*Com informações da Mídia Ninja

Veja também:  Quem são os supostos hackers presos em Araraquara pela PF

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum