Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
09 de fevereiro de 2012, 11h46

Espaço solidário

Economia solidária movimenta R$ 60 milhões ao ano em Alagoas, tecnologias sustentáveis serão apresentadas em maio e IBGE organiza recenseamento populacional.

Por Camila Souza Ramos

 

Tecnologias sustentáveis serão apresentadas ao público em maio
Propostas de inovações tecnológicas com redução de impacto ambiental e que permitem o desenvolvimento sócio-econômico estarão à mostra no próximo mês no Hotel Transamérica, em São Paulo. A terceira edição da Mostra de Tecnologias Sustentáveis é organizada pelo UniEthos em parceria com o Movimento Nossa São Paulo, o Instituto Akatu e a Rede Brasileira do Pacto Global da ONU. A intenção é disseminar informações e promover iniciativas de inovação tecnológica sustentáveis ambiental, social e economicamente, para que essas iniciativas se desenvolvam e sejam utilizadas no cotidiano das empresas, governos, entidades e indivíduos. A proposta não é apenas ser uma feira de produtos, mas ambiente de troca de informações e conhecimento. A mostra ocorrerá em paralelo à realização da Conferência Internacional 2010 – Empresas e Responsabilidade Social, promovida pelo Instituto Ethos. Neste ano serão expostos três tipos de tecnologias: as chamadas “verdes”, que tenham como objetivo a preservação de recursos naturais; as inclusivas, focadas na inclusão econômica e no combate à pobreza; e as responsáveis, que trabalham com o controle social, o combate à corrupção e o trabalho digno.

A mostra ocorrerá entre os dias 11 e 14 de maio, no Hotel Transamérica, em São Paulo. Para participar, acesse www.ethos.org.br/mostra2010/convites e imprima seu convite.

IBGE organiza recenseamento populacional
O território brasileiro será varrido do Oiapoque ao Chuí por pesquisadores do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) a partir de 1º de agosto deste ano. Será o sétimo recenseamento do país e contará com cerca de 230 mil pesquisadores contratados temporariamente para a realização das entrevistas domiciliares, supervisão, apoio e administração do censo. O objetivo dos censos é traçar um retrato da população brasileira para dar instrumentos para basear os planejamentos públicos e privados dos próximos anos. Diferente das edições anteriores, os pesquisadores terão computadores de mão para realizar a pesquisa. A perspectiva do IBGE é de que as entrevistas durem quatro meses e os primeiros resultados sejam divulgados em dezembro deste ano. Atualmente o IBGE está em fase de recrutamento de recenseadores. Para a execução do censo a previsão orçamentária é de R$ 1,4 bilhão.
MEC incentiva propostas de EJA focados em economia solidária
O Ministério da Educação (MEC) está com edital aberto até o dia 20 de abril para financiar projetos que fomentem a produção de materiais pedagógicos de educação de jovens e adultos (EJA) com foco em economia solidária. Qualquer instituição de ensino superior da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica pode concorrer ao edital. Serão consideradas válidas as inscrições postadas até o dia 20. As propostas serão selecionadas até dia 27 e o resultado será divulgado no dia 30 de abril. Para mais informações, acesse www.mec.gov.br/secad.

Economia solidária movimenta R$ 60 milhões ao ano em AL
Os quase 300 empreendimentos de economia solidária presentes no estado de Alagoas (AL) geram, ao ano, R$ 60 milhões. A informação vem do secretário de Estado do Trabalho, Emprego e Renda do estado, Regis Cavalcante, que esteve presente na Conferência Estadual de Economia Solidária. Ao ano, o setor tem movimentado cerca de R$ 6 bilhões.

Essa matéria é parte integrante da edição impressa da Fórum 85. Nas bancas.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum

#tags