Imprensa livre e independente
11 de julho de 2017, 17h17

Senador grita com mulheres que ocupam a mesa e Gleisi responde: “Você tem medo de mulher?”

As luzes do plenário do Senado foram religadas mas as 5 senadoras da oposição seguem, há mais de 3 horas, ocupando a mesa diretora. Senador João Alberto (PMDB-MA) gritou com as parlamentares e solicitou que as galerias, onde há três manifestantes, fossem esvaziadas, mas a presidenta do PT respondeu à altura  Por Redação  As luzes do plenário do Senado foram religadas há pouco mas as 5 senadoras que ocuparam a mesa diretora para evitar que a reforma trabalhista fosse votada às pressas seguem com o protesto e a sessão segue suspensa. Os senadores começaram a voltar, aos poucos, para o...

As luzes do plenário do Senado foram religadas mas as 5 senadoras da oposição seguem, há mais de 3 horas, ocupando a mesa diretora. Senador João Alberto (PMDB-MA) gritou com as parlamentares e solicitou que as galerias, onde há três manifestantes, fossem esvaziadas, mas a presidenta do PT respondeu à altura 

Por Redação 

As luzes do plenário do Senado foram religadas há pouco mas as 5 senadoras que ocuparam a mesa diretora para evitar que a reforma trabalhista fosse votada às pressas seguem com o protesto e a sessão segue suspensa. Os senadores começaram a voltar, aos poucos, para o plenário e um deles, João Alberto (PMDB-MA), subiu até a mesa onde estão as senadoras e começou a gritar com as parlamentares, exigindo que as galerias do plenário, onde há 3 mulheres manifestantes, fossem esvaziadas.

“Você tem medo de mulher, é isso?”, respondeu a senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR), uma das que ocupam a mesa.

Assista.

O grupo das cinco senadoras informou que resistirão ocupando a mesa enquanto puderem. Elas exigem que a base do governo negocie a aprovação do destaque que impede que mulheres gestantes trabalhem em locais insalubres. Desta maneira, a matéria é mandada de volta para a Câmara dos Deputados.

Veja também:  Dois anos de reforma trabalhista: 14 coisas que você perdeu

Leia também

#ForçaSenadoras já é um dos assuntos mais comentados do Twitter

A escuridão do Senado é uma luz para o Brasil

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum