#Chega de vetos a Cuba

11 de abril de 2012, 15h38

Dilma nos EUA: “isso não é uma pergunta”

Vendo a Dilma nos EUA, reunida com Obama, eu me lembro daqueles emails da época da última campanha eleitoral, que diziam: "a terrorista não poderá visitar os EUA, será barrada". Quanta barbaridade. Nos Estados Unidos, Dilma criticou a política cambial dos EUA e foi direta: a América Latina não aceita mais "Cúpula das Américas" sem a presença de Cuba.