#chola mais

30 de junho de 2019, 20h46

MBL “chola” nas redes por suas lideranças terem sido hostilizadas e agredidas nas manifestações pró-Moro

Ricardo Almeida, um dos coordenadores do MBL em São Paulo, reclamou na rede social e afirmou ter tentado conversar com uma pessoa que é contrária ao grupo, e descobriu que eles agora são vítimas da própria estigmatização e ódio à esquerda que passaram anos ajudando a fomentar