#Eleições argentinas

19 de junho de 2019, 07h48

Kirchnerismo se alia a “Ciro argentino” e fica ainda mais forte para as eleições presidenciais

Ex-kirchnerista, Massa foi candidato presidencial em 2015, ficando em terceiro lugar. Desde então, tentou se manter na cena política como líder da terceira via, algo parecido com o que Ciro Gomes tenta ser no Brasil. Porém, nesta semana, ele aceitou formar parte da frente do "peronismo ampliado".


12 de junho de 2019, 08h13

Para tentar frear kirchnerismo, Macri anuncia peronista como vice em sua chapa para reeleição

A chapa causou controvérsia no país, já que, em 2015, Macri prometeu "tirar o peronismo do poder". Escolhido para vice, o senador Miguel Ángel Pichetto é um conhecido peronista com afinidade mais à direita


21 de outubro de 2011, 20h47

As razões que explicam o sucesso de Cristina Kirchner

Por Francisco Luque: No domingo, 23 de outubro, Cristina Fernández de Kirchner será reeleita – quase com certeza. Isso é o que indicam diversas pesquisas que circulam no campo político argentino e apontam índices que variam de 50% a 57% da votação para ela e uma ampla diferença em relação aos seus adversários diretos. Neste cenário, a mandatária e o movimento que representa – kirchnerismo – podem se converter no processo político mais extenso da história democrática argentina.