#Gorbatchov

17 de setembro de 2019, 11h32

Último líder da URSS, Gorbatchov confessa que seu objetivo de vida foi aniquilar o comunismo

Documentos da CIA também revelam que o desmanche da URSS não foi obra de um ato “espontâneo e democratizante”, e tampouco significava que o sistema socialista estava “esgotado e quebrado”