#PCC

14 de novembro de 2012, 16h38

“Quem não reagiu está vivo.” É isso mesmo, governador Alckmin?

No dia 11 de setembro, a Rota matou 9 suspeitos durante ação contra um suposto tribunal do crime em um sítio de Várzea Paulista. De acordo com a PM, ali estaria sendo julgado um homem acusado de abusar sexualmente de uma criança. Detalhe, o “réu” também foi morto durante a ação da Rota. No dia […]


14 de novembro de 2012, 13h04

Abaixo-assinado Parem de matar! Manifesto de repúdio à violência da política de segurança em São Paulo

Car@s, nesta noite enviamos a diversas mídias o manifesto “Parem de matar!”, em repúdio à violência da política de segurança de São Paulo. O documento conta com mais de 150 assinaturas de pesquisador@s e professor@s de todo o Brasil. Com o intuito de expandir o número de adesões, promover a discussão da atual conjuntura e pressionar os governos […]


13 de novembro de 2012, 18h03

“Cada sociedade tem a policia que quer ter, a polícia que paga para ter”.

Em 18 dias, 191 mortos a tiros na grande São Paulo. Neste ano, 90 PMs executados. Todos, supostamente, por ordens do PCC. Em 2006 se deu o primeiro grande ataque. Geraldo Alckmin havia deixado o governo para concorrer à presidência. Entre 12 e 21 de maio foram executados 41 policiais. Meme que circula no Facebook […]


12 de novembro de 2012, 18h01

Convocatória: FRENTE AMPLIADA E UNIFICADA CONTRA O GENOCÍDIO DE POBRES, PRETOS E PERIFÉRICOS-SP

CONVOCAÇÃO DO COMITÊ CONTRA O GENOCÍDIO DA JUVENTUDE NEGRA E PERIFÉRICA-SP/ FRENTE AMPLIADA E UNIFICADA CONTRA O GENOCÍDIO DE POBRES, PRETOS E PERIFÉRICOS-SP: Ao Governo do Estado de SP; Ao Governo Federal; À Sociedade Brasileira: As redes de familiares de vítimas diretas da violência, as organizações do movimento negro, os movimentos sociais do campo e da […]


12 de novembro de 2012, 15h00

Tucano, ‘morador da Vila Madalena’ no divã: “Governo Alckmin acabou”

Costumo achar engraçado um colunista que se define pelo lugar onde vive e/ou pelos prêmios que ganha:  “Gilberto Dimenstein ganhou os principais prêmios destinados a jornalistas e escritores. Integra uma incubadora de projetos de Harvard (Advanced Leadership Initiative). Desenvolve o Catraca Livre, eleito o melhor blog de cidadania em língua portuguesa pela Deutsche Welle. É […]


11 de novembro de 2012, 15h50

Camila Nunes Dias: Crise expõe esgotamento do modelo de segurança em São Paulo

Em entrevista à Carta Maior, Camila Nunes Dias, professora da Universidade Federal do ABC e pesquisadora do Núcleo de Estudos da Violência, da Universidade de São Paulo (USP), defende que a atual crise na segurança pública, expressa no aumento do número de homicídios, é resultado do “esgarçamento de uma espécie de convivência equilibrada entre poder […]


09 de novembro de 2012, 21h36

Breve dossiê revela: onda de assassinatos que apavora Estado foi iniciada e radicalizada pela PM. Governo Alckmin omite-se. Mídia silencia

Só o PCC ameaça São Paulo? Por: Antonio Martins, Outras Palavras 06/11/2012 Breve dossiê revela: onda de assassinatos que apavora Estado foi iniciada e radicalizada pela PM. Governo Alckmin omite-se. Mídia silencia Por Antonio Martins I. Ao descrever, num ensaio recente (breve em português, em Outras Palavras), a situação tormentosa vivida pela Grécia, o jornalista Paul Mason, da BBC, […]


09 de novembro de 2012, 21h07

Moradores das periferias de SP: os mais vulneráveis à violência institucional e ao crime organizado

Um post de 2010 com várias questões interessantes sobre o PCC, pena que o governo do estado de São Paulo desde os crimes de maio de 2006 pouco avançou (a não ser em tornar a polícia ainda mais truculenta contra as mesmas populações vulneráveis à violência institucional e ao crime organizado. 16 perguntas sobre o […]


09 de novembro de 2012, 19h20

Em 25 dias 170 mortes em São Paulo: 20 agentes do Estado, 150 civis jovens, pobres, negros e periféricos

ATÉ QUANDO VAI DURAR O SILÊNCIO CÚMPLICE S/ A MATANÇA DE JOVENS POBRES, PRETOS E PERIFÉRICOS EM SP?!?! Por Mães de Maio, via Facebook 09/11/2012 ATÉ QUANDO VAI DURAR O SILÊNCIO CÚMPLICE S/ A MATANÇA DE JOVENS POBRES, PRETOS E PERIFÉRICOS EM SP?!?! Já são mais de 170 mortes (oficialmente), ao longo dos últimos 25 […]


07 de novembro de 2012, 10h50

Só o PCC ameaça São Paulo?

Breve dossiê revela: onda de assassinatos que apavora Estado foi iniciada e radicalizada pela PM. Governo Alckmin omite-se e a mídia silencia


06 de novembro de 2012, 19h53

Governos federal e de São Paulo criam agência integrada para conter violência no estado

Leia também: Alckmin que fala grosso com Pinheirinho é sujeito oculto na cobertura da Globo sobre a violência em SP Será que os policiais assassinados nas últimas semanas e também os trabalhadores reagiram, governador Alckmin? Maria Rita Kehl: Estado Violência, Alckmin usa a mesma retórica dos matadores da ditadura Escalada de violência em São Paulo: […]


06 de novembro de 2012, 17h34

Alckmin que fala grosso com Pinheirinho é sujeito oculto na cobertura da Globo sobre a violência em SP

Leia também: Será que os policiais assassinados nas últimas semanas e também os trabalhadores reagiram, governador Alckmin? Maria Rita Kehl: Estado Violência, Alckmin usa a mesma retórica dos matadores da ditadura Escalada de violência em São Paulo: Segurança Pública é um dos Direitos Humanos _____________ JORNALISMO DE SUJEITO OCULTO Por Leandro Fortes, em sua página […]


06 de novembro de 2012, 11h50

“Foi aberta uma guerra entre PM e PCC”

Ivan Seixas, presidente do Condepe: "Não encontram os culpados por não investigarem os crimes. A opção é a execução sumária, que pode vitimar inocentes"


31 de outubro de 2012, 20h16

Será que os policiais assassinados nas últimas semanas e também os trabalhadores reagiram, governador Alckmin?

Protesto em muro de Osasco – SP contra a morte de um morador baleado por soldados das Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar (ROTA). Fonte: Perfil no Facebook do Jornal a Nova Democracia No meu bairro as pessoas estão assustadas, às 22 horas desde domingo é silêncio total. Se desobedecer o toque de recolher corre-se sérios […]


31 de outubro de 2012, 10h49

Polícia que massacra

Seis pessoas foram mortas hoje, ontem foram oito, todos reféns da pobreza, mortos por estar na periferia. Seus rostos não são mostrados, suas histórias não são contadas, pois não tinham sonhos, nem futuro