#perferia

25 de janeiro de 2019, 16h20

Primeiro, se mata Marielle Franco, depois ameaça Jean Willys… quem será o próximo?

Dennis de Oliveira: “Violência como prática política para impedir o contraditório, ausência de transparência de dados do governo. Situações que já são práticas recorrentes do Estado brasileiro junto às periferias”