#“Tijoladas” nos poderosos

11 de março de 2012, 21h06

Vida e morte do blogueiro Mosquito

Mosquito provocou polêmica sem rodar o mundo. Sentado na mesa de um bar, escrevia o blog que aterrorizava poderosos catarinenses. Não ganhou prêmio. Encheu-se de dívidas. Teve momentos de glória e há três meses foi encontrado morto em sua casa. Agora revive no belo - e triste - perfil traçado por Renan Antunes de Oliveira.