Imprensa livre e independente
25 de janeiro de 2019, 22h10

Tragédia de Brumadinho contabiliza sete mortes até o momento

A Vale informa que, dos 427 empregados que estavam no local, apenas 279 foram localizados

Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação A tragédia de Brumadinho registra até o momento sete mortes, confirmadas pelo governo de Minas Gerais, na noite desta sexta-feira (25). De acordo com fontes da administração de Romeu Zema, as vítimas ainda não foram identificadas. Ainda conforme o governo mineiro, nove pessoas foram retiradas vivas do lamaçal e aproximadamente 100 que se encontravam praticamente ilhadas foram resgatadas. Fórum terá um jornalista em Brasília em 2019. Será que você pode nos ajudar nisso? Clique aqui e saiba mais Quase 100 bombeiros estão no local. A partir da madrugada deste sábado (26), o número deve chegar a 200. A...

Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação

A tragédia de Brumadinho registra até o momento sete mortes, confirmadas pelo governo de Minas Gerais, na noite desta sexta-feira (25). De acordo com fontes da administração de Romeu Zema, as vítimas ainda não foram identificadas.

Ainda conforme o governo mineiro, nove pessoas foram retiradas vivas do lamaçal e aproximadamente 100 que se encontravam praticamente ilhadas foram resgatadas.

Fórum terá um jornalista em Brasília em 2019. Será que você pode nos ajudar nisso? Clique aqui e saiba mais

Quase 100 bombeiros estão no local. A partir da madrugada deste sábado (26), o número deve chegar a 200.

A Vale informa que, dos 427 empregados que estavam no local, apenas 279 foram localizados. De acordo com o presidente da empresa, Fabio Schvartsman, vazaram 12 milhões de metros cúbicos de rejeitos.

“No momento a grande medida é ver sobreviventes, e informar às famílias dos atingidos”, declarou o governador Zema. Duas mil pessoas estão sem energia na região.

Com informações da Folha de S.Paulo

Agora que você chegou ao final deste texto e viu a importância da Fórum, que tal apoiar a criação da sucursal de Brasília? Clique aqui e saiba mais

Veja também:  Site porta-voz de Moro faz nota confirmando áudio de Dallagnol

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum