Imprensa livre e independente
07 de fevereiro de 2018, 09h34

Vai, Malandra: Anitta é convidada para dar palestra em Harvard

Cantora ainda não resolveu se vai

Cantora ainda não resolveu se vai Da Redação* A assessoria de imprensa da Anitta comunicou que a cantora foi convidada pela Universidade de Harvard para dar uma palestra sobre o Brasil no evento ‘Brazil Conference’, que ocorre todos os anos em Massachusetts. A informação do convite foi confirmada pela assessoria de imprensa da cantora. Entretanto, Anitta ainda não decidiu se vai ao evento. Em 2017, o juiz Sérgio Moro participou do evento. Na ocasião, também participaram os empresários Jorge Paulo Lemann e Luiza Trajano, a ex-presidente Dilma Rousseff, o publicitário Nizan Guanaes e o ator Wagner Moura. O Brazil Conference...

Cantora ainda não resolveu se vai

Da Redação*

A assessoria de imprensa da Anitta comunicou que a cantora foi convidada pela Universidade de Harvard para dar uma palestra sobre o Brasil no evento ‘Brazil Conference’, que ocorre todos os anos em Massachusetts. A informação do convite foi confirmada pela assessoria de imprensa da cantora. Entretanto, Anitta ainda não decidiu se vai ao evento.

Em 2017, o juiz Sérgio Moro participou do evento. Na ocasião, também participaram os empresários Jorge Paulo Lemann e Luiza Trajano, a ex-presidente Dilma Rousseff, o publicitário Nizan Guanaes e o ator Wagner Moura.

O Brazil Conference é realizado pela comunidade brasileira de estudantes de Harvard e do MIT para promover o encontro com líderes e representantes da diversidade do Brasil. O objetivo é encontrar soluções inovadoras para o futuro do País.

Em 2018, o evento vai ocorrer nos dias 6 e 7 de abril.

*Com informações do Estadão

Foto: Instagram/Anitta

Veja também:  "Nós fazemos política com uma ordem de grandeza muito maior", afirma Jaques Wagner

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum