Carestia dos chips e outras ameaças aos empregos e PIBs

o programa Pauta Brasil recebe André Roncaglia e Cristina Reis, com mediação de Artur Araújo, da Fundação Perseu Abramo, para discutir um tema importante para o futuro do desenvolvimento econômico: gargalos produtivos e as ameaças aos empregos. O programa pretende debater os gargalos produtivos e logísticos provocados pelas medidas de enfrentamento da Covid-19, que têm […]

o programa Pauta Brasil recebe André Roncaglia e Cristina Reis, com mediação de Artur Araújo, da Fundação Perseu Abramo, para discutir um tema importante para o futuro do desenvolvimento econômico: gargalos produtivos e as ameaças aos empregos.

O programa pretende debater os gargalos produtivos e logísticos provocados pelas medidas de enfrentamento da Covid-19, que têm provocado falta de matérias-primas e de produtos intermediários para as indústrias (o caso dos chips é o mais conhecido) e como isso pode afetar empregos e o crescimento econômico, no Brasil e no mundo.

André Roncaglia é economista, professor na Universidade Federal de São Paulo e pesquisador associado ao Cebrap.

Cristina Reis é professora adjunta da Universidade Federal do ABC e coordenadora do Núcleo de Estudos Estratégicos em Democracia, Desenvolvimento e Sustentabilidade.

#RevistaFórum​​ #TVFórum​​

Apoie o jornalismo da Revista Fórum!
Assine aqui: https://revistaforum.com.br/apoie
DOE COM PIX pela chave: [email protected]
Faça uma assinatura pix: https://forms.gle/AXrR3t7pbHuH4Vqt8
Ou participe do Catarse da Pesquisa Fórum: https://www.catarse.me/pesquisaforum
E você ainda recebe a newsletter Lado B todos os dias em seu e-mail e tem descontos nos cursos online da plataforma Fórum Educação: https://educacao.revistaforum.com.br/
BAIXE O APP DA REVISTA FÓRUM NA PLAY STORE

Avatar de Redação

Redação

Direto da Redação da Revista Fórum.

Você pode estar junto nesta luta

Fórum é um dos meios de comunicação mais importantes da história da mídia alternativa brasileira e latino-americana. Fazemos jornalismo há 20 anos com compromisso social. Nascemos no Fórum Social Mundial de 2001. Somos parte da resistência contra o neoliberalismo. Você pode fazer parte desta história apoiando nosso jornalismo.

APOIAR