Política genocida e corrupta de Bolsonaro tem preço: um dólar pela vida de cada brasileiro

A denúncia de Luiz Paulo Dominguetti Pereira, representante da Davati Medical Supply, de que o governo Jair Bolsonaro pedia um dólar de propina por cada dose da vacina AstraZeneca explodiu a narrativa fake de que não há corrupção no governo. A corrupção, que sempre existiu no governo Bolsonaro, agora tem preço: um dolar para cada […]

A denúncia de Luiz Paulo Dominguetti Pereira, representante da Davati Medical Supply, de que o governo Jair Bolsonaro pedia um dólar de propina por cada dose da vacina AstraZeneca explodiu a narrativa fake de que não há corrupção no governo.

A corrupção, que sempre existiu no governo Bolsonaro, agora tem preço: um dolar para cada uma das mais de 519 mil vidas perdidas.

Ao se associar ao centrão, como nos tempos de Congresso, Bolsonaro retardava a compra da vacina, insistia nas teses estapafúrdias e criminosas da cloroquina e contra as medidas de isolamento social, enquanto o bunker corrupto negociava o valor da vida de cada brasileiro.

A nova denúncia deixou a própria base do governo atordoada. Carla Zambelli foi pedir ajuda a Deus sobre qual caminho seguir, enquanto muitos estão mudos.

Falastrão, Bolsonaro agora tem que explicar o inexplicável. E a CPI deve mostrar qual será o seu caminho: o Tribunal Penal Internacional, em Haia, por crimes contra a humanidade.

Avatar de Plinio Teodoro

Plinio Teodoro

Jornalista, editor de Política da Fórum, especialista em comunicação e relações humanas.

Você pode estar junto nesta luta

Fórum é um dos meios de comunicação mais importantes da história da mídia alternativa brasileira e latino-americana. Fazemos jornalismo há 20 anos com compromisso social. Nascemos no Fórum Social Mundial de 2001. Somos parte da resistência contra o neoliberalismo. Você pode fazer parte desta história apoiando nosso jornalismo.

APOIAR