Blog do Rovai

Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
12 de agosto de 2014, 10h41

O gigante se dobrou ao anão ou quando o piguismo surtou

Evidente que isso não significa muita coisa em meio a chacina que está sendo realizada em Gaza, mas ao menos dá a dimensão de como alguns articulistas e colunistas brasileiros são absolutamente desinformados e mal preparados.

Ser colunista da Veja não é algo fácil. Imagine ter que ficar o dia inteiro inventando uma crise, mesmo quando a mais simples das lógicas aconselhe ficar quieto. Os ursinhos amestrados da revista estão em polvorosa porque o presidente de Israel Reuven Rivlin pediu desculpas ao governo brasileiro por conta da declaração desastrosa do porta voz do país que chamou o Brasil de anão diplomático.

Quem tem dois dedos de testa e um pouco de conhecimento de relações internacionais percebeu que aquela declaração isolava ainda mais Israel do ponto de vista político e criava um novo problema para o país. Deixando-o mais do que só no colo dos EUA.

Não que o Brasil seja um gigante no campo da diplomacia, mas não é um ator qualquer. Certamente é um dos dez mais importantes do planeta. E sem fazer muita força,  como resposta articulou o Mercosul, no final do mês passado, em Caracas, na sua 46ª Cúpula, e presidentes dos cinco países que formam o bloco, Brasil, Uruguai, Paraguai, Argentina e Venezuela, sinalizaram medidas mais duras contra o país e condenaram o uso desproporcional da força por parte do exército israelense.

No comunicado oficial, assinado por todos os chefes de Estado presentes, se pediu um “cessar-fogo imediato” e um “urgente início de uma investigação que investigue as violações de direitos humanos, para estabelecer fatos e circunstâncias de referidas violações e dos crimes cometidos, e identificar os responsáveis.”

Ou seja, declarou-se uma guerra diplomática do bloco contra Israel, que como não é tão gigante assim como se imagina, e que por isso teve que deixar o orgulho de lado e vir pedir desculpas ao governo brasileiro.

Evidente que isso não significa muita coisa em meio a chacina que está sendo realizada em Gaza, mas ao menos dá a dimensão de como alguns articulistas e colunistas brasileiros são absolutamente desinformados e mal preparados. Chutam pra todos os lados sem se preocupar com a dimensão real dos temas que abordam.

Perderam completamente o senso de realidade e se um dia um ou outro tiveram algo a preservar, hoje não passam de anões. Na verdade, o Brasil que enxergam são eles projetados no espelho.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum