Blog da Maria Frô

ativismo é por aqui

22 de maio de 2010, 14h31

Fala a juventude da classe média paulistana

Reproduzo um comentário do Leonardo, um dos membros do grêmio escolar que falei aqui. Anos atrás, o tio rei denominou esses adolescentes de ‘comedores de alfafa’. À época eu fiquei imaginando se um blogueiro reacionário da Veja se dava ao trabalho de atacar adolescentes, professores e projeto de uma escola que incentiva os alunos a serem cidadãos e se inteirarem da administração municipal era porque além do projeto realmente ser bom o moral do blog e da revista andavam mesmo muito baixos.

Agora em sua nova mensagem ele conta as discussões que estão envolvidos, reproduzo um trecho:
Oi, Conceição,
(…)
Não é de hoje a discussão sobre a mídia hegemônica no grêmio e já fizemos várias atividades sobre liberdade de expressão e democratização da comunicação, além da imagem da mulher na mídia. Também participamos de movimentos relacionados ao tema fora da escola e tivemos um integrante, delegado das crianças e adolescentes do Estado de São Paulo, nos representando na Conferência Nacional de Comunicação.
Leo

Garotos como Leo, que fazem parte da classe média paulistana são prova de que nela também há jovens inteligentes, bem informados, críticos e solidários. Fundamental para construirmos uma São Paulo mais humana com espaço para toda a juventude. Que as escolas privadas consigam formar muito e muitos Leos.

Veja também:  Alunos e professores vencem e interventor bolsonarista sai pela porta dos fundos e não assume o Cefet-RJ

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum