sábado, 26 set 2020
Publicidade

Feminícidio: corpo de bailarina de 25 anos é encontrado em matagal no Paraná

O corpo da bailarina Maria Glória Poltronieri Borges, de 25 anos, foi encontrado em um matagal, perto de uma cachoeira, na cidade de Mandaguari, na região de Maringá, no Paraná, neste domingo (26), com sinais de violência sexual.

Laudo inicial do Instituto Médico Legal revela que a bailarina teria sido morta por enforcamento.

Segundo informações do G1, o delegado Zoroastro Neri do Prado afirma que, no sábado (25), a mãe de Maria Glória a levou até uma chácara que fica perto da cachoeira. A jovem ficou sozinha no local, segundo o delegado.

Ainda de acordo com o delegado, a irmã encontrou o corpo da bailarina em uma trilha que fica a cerca de 30 metros da cachoeira.

Neri afirmou que está ouvindo pessoas e que, até o momento, não se sabe quem é o autor do crime.

Maria Glória é filha de Daísa Poltronieri e Maurício Borges. A mãe da vítima é proprietária de uma academia de ballet em Maringá.

O velório está sendo realizado nesta segunda-feira (27) na Capela Prever de Maringá e o corpo será cremado no Crematório Angelus.

Redação
Redação
Direto da Redação da Revista Fórum.