Fórumcast #20
05 de dezembro de 2018, 13h24

Índio é preso no Acre por entrar em delegacia usando boné com estampa de maconha

De acordo com o delegado, o índio foi apreendido por apologia ao uso de drogas

Foto: Marcos Frank/Arquivo Pessoal

Um indígena, de 22 anos, da etnia Jaminawa foi preso após entrar em uma delegacia de Sena Madureira, no interior do Acre, nesta terça-feira (4), usando um boné com estampa de maconha.

O delegado Marcos Frank, que investiga o caso, explicou que o índio buscou a unidade para conseguir um “espelho” da identidade, ou seja, uma cópia do documento original. Porém, acabou sendo apreendido por apologia ao uso de drogas.

Fórum precisa ter um jornalista em Brasília em 2019. Será que você pode nos ajudar nisso? Clique aqui e saiba mais

“Ele foi autuado pelo artigo 286 do Código Penal que estabelece que é crime incitar publicamente a prática de crime. Usar esse tipo de roupa é crime, pois é crime induzir, instigar ou ajudar alguém a consumir substâncias proibidas”, afirma.

O caso foi registrado na delegacia, em Sena Madureira. O indígena assinou um Termo Circunstanciado de Ocorrência e foi liberado, mas deve ser indiciado para responder pelo caso.

Veja também:  Alexandre Frota chama Bolsonaro de idiota ingrato: "Eu, como ator pornô, dei mais certo do que ele no Exército""

Com informações do G1

Agora que você chegou ao final desse texto e viu a importância da Fórum, que tal apoiar a criação da sucursal de Brasília? Clique aqui e saiba mais


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum