Justiça determina leilão de bens de Romário para pagar dívida de R$ 40 milhões

O caso, que se arrasta há 16 anos, é sobre o projeto do Café do Gol, na Barra, que o ex-jogador foi sócio

A 4ª Vara Cível do Rio determinou o leilão dos bens do senador Romário (PL-RJ) para pagar uma dívida de mais de R$ 40 milhões.

O caso, que se arrasta há 16 anos, é sobre o projeto do Café do Gol, na Barra (boate que teve Romário como sócio), de acordo com a coluna de Ancelmo Gois.

A dona do espaço do Café Gol, Cândida Virgínia Ribeiro – ingressou com uma ação de execução de dívida de IPTU após o baixinho entregar o imóvel. Naquela época a cobrança montava a importância de R$ 1,2 milhão. 

Romário não pagou a dívida – que já era reconhecida pela Justiça – e agora, mais uma vez, a dona do espaço ingressou com uma nova ação de execução de dívida.

Além disse, Romário é acusado nessa nova ação de fraudar o processo de execução.

Avatar de Julinho Bittencourt

Julinho Bittencourt

Jornalista, editor de Cultura da Fórum, cantor, compositor e violeiro com vários discos gravados, torcedor do Peixe, autor de peças e trilhas de teatro, ateu e devoto de São Gonçalo - o santo violeiro.