Ouça o Fórumcast, o podcast da Fórum
25 de outubro de 2017, 07h42

Marina Ruy Barbosa pede desculpas por propaganda, após ser acusada de racismo

“Lamento profundamente que algumas pessoas tenham interpretado o trabalho publicitário da Santher de forma diferente do que foi idealizado. Tenho certeza de que essa nunca tenha sido a intenção”, disse a atriz.

“Lamento profundamente que algumas pessoas tenham interpretado o trabalho publicitário da Santher de forma diferente do que foi idealizado. Tenho certeza de que essa nunca tenha sido a intenção”, disse a atriz.

Da Redação*

Após protagonizar uma campanha acusada de racismo, a atriz Marina Ruy Barbosa pediu desculpas, por meio de comunicado às pessoas que se sentiram ofendidas com a propaganda de lançamento do primeiro papel higiênico preto no Brasil. A nota foi publicada em seu perfil no Instagram.

A Personal, marca de papel higiênico da Santher, lançou no início desta semana um papel higiênico preto, o Personal Black, utilizando como slogan a frase “Black Is Beautiful” (Negro é Lindo), ícone da resistência do movimento negro norte-americano. Houve reação negativa em relação ao produto, e a atriz virou alvo de críticas.

“Quando me convidaram e apresentaram a mensagem criativa da campanha para o ‘Personal Vip Black’, produto já existente no exterior e trazida pela Santher para o Brasil, fiquei animada em fazer uma campanha diferente e que seria uma novidade no nosso país”, iniciou a atriz, no comunicado.

“Lamento profundamente que algumas pessoas tenham interpretado o trabalho publicitário da Santher de forma diferente do que foi idealizado. Tenho certeza de que essa nunca tenha sido a intenção da marca e das pessoas que criaram esta ação, a de seguir por este caminho polêmico ou desrespeitar qualquer tipo de pessoa”, prossegue.

“Independente de tudo isso, eu lamento muito, de verdade, e peço desculpas às pessoas que se sentiram afetadas. Estou bem triste por tudo isso e espero que entendam que jamais foi feito com a intenção de ofender! Com amor, Marina”, finalizou a atriz. A marca também retirou o nome de Marina Ruy Barbosa do produto. Não se sabe se foi um pedido dela.

Clicada pelo fotógrafo Bob Wolfenson, a atriz fez o ensaio em São Paulo antes do seu badalado casamento com o piloto de stock car Alexandre Negrão, no dia 7 de outubro, em Campinas. Marina usou o papel higiênico como figurino e chamou a atenção ao exibir suas formas em um ensaio considerado ousado. Ela é conhecida nos bastidores da publicidade por não gostar muitos das campanhas e editorias de moda com poucas roupas.

A escolha pela mocinha da próxima novela das 19 horas na Globo, “Deus Salve o Rei”, de acordo com Lucia Rezende, “head” de marketing da marca, foi de primeira. “Ela representa a essência deste lançamento, um papel higiênico criado para mostrar que bom gosto e requinte podem estar presentes em todos os momentos do dia a dia das famílias”, disse.

O cachê da atriz não foi revelado, mas ela cobra R$ 60 mil por menção publicitária no seu Instagram, que tem 21 milhões de seguidores.

*Com informações do UOL

Fotos: reprodução Instagram/Marina Ruy Barbosa


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum