Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
13 de novembro de 2019, 09h12

Menina de 5 anos e adolescente morrem durante tiroteio em Realengo, no Rio de Janeiro

Ketellen é a sexta criança morta no Rio com bala perdida em 2019. Até setembro, a polícia não havia identificado a autoria de nenhum dos casos

Foto: Arquivo Pessoal

A menina Ketellen Umbelino de Oliveira Gomes, de 5 anos, e um adolescente identificado como Davi Gabriel Martins do Nascimento, de 17 anos, morreram em decorrência de disparos de arma de fogo efetuados na tarde desta terça-feira (12), em Realengo, no Rio de Janeiro.

De acordo com informações preliminares fornecidas pela Polícia Militar, um carro que passava pelo local efetuou os disparos. A menina foi baleada a caminho da escola durante troca de tiros na Praça da Cohab, no mesmo bairro.

Ketellen foi atingida na perna, foi operada no hospital, mas não resistiu aos ferimentos e morreu, na madrugada desta quarta-feira, no Hospital municipal Albert Schweitzer, em Realengo. Davi também foi baleado e morreu no local.

A Polícia Militar informou que os ocupantes do veículo de onde partiram os disparos ainda não foram identificados. Nas redes sociais, moradores de Realengo lamentaram o ocorrido e relataram pânico durante e após o tiroteio. O corpo de Ketellen foi levado para o IML na manhã desta quarta.

Ketellen é a sexta criança morta no Rio com bala perdida em 2019. Além dela, morreram da mesma forma Ágatha Félix, de 8 anos (vítima de uma bala perdida no Alemão), Kauê dos Santos, de 12 anos (baleado durante operação policial no Chapadão), Kauê Rozário, de 11 anos (atingido por bala perdida na Vila Aliança), Kauan Peixoto, de 12 anos (morto durante um confronto entre policiais e bandido na favela da Chatuba, em Mesquita) e Jenifer Gomes, de 11 anos (baleada em Triagem).

Até setembro, a polícia não havia identificado a autoria de nenhum dos casos citados.

Com informações do Extra


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum