sábado, 24 out 2020
Publicidade

Prefeitura no interior de SP entrega 40 mil cestas básicas sem arroz para alunos pobres

Para compensar a falta do alimento, empresa responsável pela montagem dos kits colocou um pacote de macarrão a mais na cesta

A prefeitura de Campinas, cidade localizada no interior de São Paulo, distribuiu no mês de setembro cerca de 40 mil cestas básicas sem arroz para alunos da rede municipal que vivem em situação de pobreza. Para compensar a falta do alimento, a empresa responsável pela montagem dos kits colocou um pacote de 500g de macarrão a mais na cesta.

Além do macarrão, também foram inclusos a mais um quilo de feijão e um pacote de bolacha. A prefeitura ainda reforçou a cesta com mais um quilo de carne e dois litros de suco de uva de caixinha. As informações são do jornal Folha de S.Paulo.

A distribuição das cestas começou no mês de abril e, segundo a prefeitura, recebem os alimentos as famílias dos estudantes que vivem em situação de pobreza e extrema pobreza, com renda per capita de até R$ 178. A prefeitura diz ainda que costumava pagar um valor fixo de R$ 59 por kit para a DZ7 Comércio Eireli, responsável pelo kit. A empresa, no entanto, teria pedido um aumento de R$ 10,75 para compensar a alta no preço do arroz, o que foi negado pelo município.

A prefeitura de Campinas afirmou ainda que pretende aplicar sanções à empresa caso não entregue a cesta conforme contratado. Uma delas é a redução do valor pago por kit, já que um dos itens não foi entregue.

O aumento no preço dos produtos de cesta básica foi tema de debate nas redes sociais nas últimas semanas. Um perfil no Twitter compartilhou uma foto que viralizou no início do mês, que mostra pacotes de arroz de 5kg sendo vendidos por R$ 42,99 em um dos supermercados da rede Condor, do Paraná.

Luisa Fragão
Luisa Fragão
Jornalista.