Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
12 de junho de 2018, 10h03

Vídeo que mostra seguranças impedindo homem de pagar almoço para menino revolta a internet

Kaique pergunta várias vezes “Ele não vai comer por quê? O segurança que aparece na maior parte do vídeo responde, lacônico: Esse é meu trabalho”

Atualizado às 11h45 de terça-feira (12)

Um vídeo que circula nas redes sociais provoca indignação em todo o Brasil. O caso aconteceu em Salvador, no Shopping da Bahia. Um rapaz é impedido de oferecer almoço para um menino pelos seguranças do estabelecimento.

Em um trecho da gravação é possível ver um dos funcionários puxando o garoto pela camisa, mas o rapaz, Kaique Sofredine, se coloca à frente para impedir a violenta expulsão do shopping.

Em outro momento, a funcionária do restaurante, na praça de alimentação, tenta entregar o prato com o almoço, mas o segurança impede novamente.

Kaique pergunta várias vezes “Ele não vai comer por quê? O segurança que aparece na maior parte do vídeo responde, lacônico: Esse é meu trabalho”.

A discussão se encerra quando um gerente do estabelecimento surge e permite que o menino se alimente dentro do Shopping da Bahia.

O vídeo conta com mais de 360 mil compartilhamentos na manhã desta terça-feira (12). Nas redes sociais as pessoas se dividem em elogios ao rapaz solidário (Você é uma luz nesse país tão deprimido e sem esperança”, escreveu um jovem no Twitter”) e críticas pesadas ao segurança (Esse homem não tem coração”, onde está o amor ao próximo?, indagou uma mulher no Facebook).

Shopping se desculpa

Através de nota, emitida na manhã desta terça-feira (12), o Shopping da Bahia se desculpou. De acordo com a nota, “a postura adotada não condiz com o treinamento recebido pelos funcionários, tato que a atitude tomada pelo supervisor de segurança reforça o direito do cliente e o acolhimento da criança”, ressalta.

Veja a nota na íntegra abaixo:

Nota Shopping da Bahia. Foto: Reprodução.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum