O que o brasileiro pensa?
06 de julho de 2020, 12h56

Bolsonaro acaba com obrigatoriedade do uso de máscaras em presídios

Deixa de ser obrigatório também que estabelecimentos públicos coloquem cartazes informando sobre o uso correto do equipamento de proteção

Jair Bolsonaro - Foto: Reprodução

O presidente Jair Bolsonaro (Sem Partido-RJ) ampliou, nesta segunda-feira (6), em texto publicado no Diário Oficial, os vetos à legislação sobre uso de máscaras para proteção contra o coronavírus.

Pela publicação, deixa de ser obrigatório o uso de máscaras em presídios. Estabelecimentos públicos também não precisarão mais afixar cartazes informando sobre o uso correto do equipamento de proteção.

Bolsonaro já havia feito, na última sexta-feira, diversos vetos ao projeto de lei aprovado pelo Congresso em 9 de junho, entre eles, dispositivos que tornavam obrigatório o uso do equipamento de proteção em igrejas, comércios e escolas.

Técnicos do governo afirmam que estes novos vetos foram incluídos por decorrência lógica ao veto que já havia sido feito ao artigo segundo o qual “os estabelecimentos em funcionamento durante a pandemia da Covid-19 são obrigados a fornecer gratuitamente a seus funcionários e colaboradores máscaras de proteção individual, ainda que de fabricação artesanal, sem prejuízo de outros equipamentos de proteção individual estabelecidos pelas normas de segurança e saúde do trabalho”.

Na justificativa do veto, o governo diz que a matéria já vem sendo regulamentada por normas do trabalho que abordam a especificidade da máscara e a necessidade de cada setor ou atividade.

Além disso, argumenta que, por causa da autonomia dos entes federados, cabe a estados e municípios a elaboração de normas suplementares.

Com informações da Folha


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum