Fórum Educação
27 de março de 2020, 06h34

Bolsonaro entra na Justiça e reabre aeroportos no Ceará; primeiro voo veio dos EUA, epicentro da pandemia

O estado estava proibido de receber voos de países que tenham números oficiais de mortos ou contagiados pelo coronavírus

Divulgação/Governo do Ceará

A pedido da Advocacia-Geral da União (AGU), o Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF-5) derrubou a liminar que impedia desembarques internacionais no Aeroporto Pinto Martins, em Fortaleza. O Ceará estava proibido de receber voos de países que tenham números oficiais de mortos ou contagiados pelo coronavírus.

Poucos minutos depois da decisão, o aeroporto recebeu um avião da Latam que chegou de Miami, na madrugada desta quinta-feira (26). Os Estados Unidos concentram mais de 80 mil casos de coronavírus, número que ultrapassou a quantidade de infectados na China, primeiro epicentro da doença.

O argumento utilizado pela AGU, de acordo com O Povo, diz que a liminar prejudicou as operações da Latam. Com a nova decisão, a empresa aérea já revelou que outros 15 aviões internacionais estão previstos para chegar ao estado nos próximos sete dias.

O governador do Ceará, Camilo Santana (PT), foi às redes sociais para protestar contra a decisão do governo de Jair Bolsonaro em permitir que os voos internacionais cheguem ao estado neste momento de pandemia.

“Tribunal Federal (TRF-5) derruba decisão da Justiça do Ceará e permite pouso de voos internacionais em Fortaleza. O primeiro veio dos EUA. Acatou pedido da Advocacia Geral da União, do Governo Federal. Uma perda na nossa luta contra o avanço ao coronavírus em nosso Estado”, escreveu.

Confira:


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum