O que o brasileiro pensa?
20 de março de 2020, 08h35

China enfrenta segunda onda de coronavírus, desta vez vinda de fora

País aumentou restrições devido à ameaça de um “segundo ataque” da pandemia, desta vez transmitida por estrangeiros que trazem o vírus

Foto: Governo da China

Nos últimos cinco dias, a China registrou mais casos de coronavírus vindos de fora do que infecções ocorridas dentro do seu território. Nesta quarta-feira (18), o país não registrou um único caso local, pela primeira vez desde que o surto começou, em dezembro passado.

Porém, foram identificados 34 novos infectados, e todos eles chegaram do exterior. Só em Hong Kong houve 25 novos casos de estrangeiros contaminados, entre terça e quarta-feira.

“Se não impusermos medidas mais duras nesta fase, nossos esforços anteriores para conter a propagação da doença durante esses dois meses poderão ser completamente desperdiçados”, disse na quarta-feira (18), a governadora de Hong Kong, Carrie Lam Cheng Yuet-ngor.

Em Pequim, Hong Kong e Macau foram reforçadas as regras de quarentena para quem entra nesses territórios. O governo da capital anunciou, há uma semana, que quem chegar à cidade deverá passar por uma quarentena obrigatória de 14 dias, em hotel designado pelas autoridades locais. Em Hong Kong e Macau, a medida é similar, mas inclui a possibilidade de ficar em uma casa de pessoa conhecida.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum