Datena detona prefeita de Praia Grande que bateu telefone na cara de reportagem da Band

Apresentador chama prefeita de despreparada, incapaz e que pode estar encobrindo um crime e diz que não vai mais à cidade enquanto ela estiver no cargo

O apresentador José Luiz Datena, da Rede Bandeirantes, chamou a prefeita de Praia Grande, Raquel Chini (PSDB), nesta sexta-feira (18), de despreparada, incapaz e que pode estar encobrindo um crime após ela se negar a responder sobre um enfermeiro que não teria aplicado a vacina contra o coronavírus em um posto de Saúde da Prefeitura.

“A senhora está fazendo parte de uma ação criminosa de um cara que diz que aplicou uma vacina numa senhora de idade que não aplicou. Então a senhora merecia sanção, deveria ser impichada do cargo que tem, porque a senhora está fazendo parte de um crime gravíssimo”, disse o apresentador.

A prefeita bateu o telefone na cara do repórter, após dizer que a prefeitura já havia respondido sobre o caso através de nota para a imprensa. “Você conversa com a Paola”, disse a prefeita. O repórter pergunta quem é e ela responde que “é minha assessora de imprensa”. Diante da insistência do repórter, ela desliga. Ouça abaixo:

O apresentador fez um longo desabafo:

“Mal educada, atende mal, azar da Praia Grande ter uma prefeita como a senhora. É um azar desgraçado da cidade. Eu tenho pena do povo da Praia Grande, que é um lugar maravilhoso que eu sempre fui. Eu conheci o mar na Praia Grande com 15 anos de idade. Eu nuca mais passo por aí com uma prefeita como a senhora por aí. Não passo nem perto daí. E eu espero que o MP e a Justiça não só vão atrás desse enfermeiro, mas da senhora também, isso é caso de polícia”, disse. Ouça abaixo:

Veja abaixo o vídeo onde o enfermeiro não aplica a vacina:

Avatar de Julinho Bittencourt

Julinho Bittencourt

Jornalista, editor de Cultura da Fórum, cantor, compositor e violeiro com vários discos gravados, torcedor do Peixe, autor de peças e trilhas de teatro, ateu e devoto de São Gonçalo - o santo violeiro.

Em 2021, escolha a Fórum.

Fazer jornalismo comprometido com os direitos humanos e uma perspectiva de justiça social exige apoio dos leitores. Porque se depender do mercado e da publicidade oficial de governos liberais esses projetos serão eliminados. Eles têm lado e sabem muito bem quem devem apoiar.

Por isso, neste momento que você está renovando suas escolhas e está pensando em qual site apoiar, que tal escolher a Fórum?

Se fizer isso, além de garantir tranquilidade para o nosso trabalho, você terá descontos de no mínimo 50% nos cursos que já temos em nossa plataforma do Fórum Educação.

Renato Rovai
Editor da Revista Fórum

APOIAR