Edinho Silva anuncia após lockdown: “hoje Araraquara não registrou nenhum óbito”

O lockdown, de acordo com o prefeito petista, também provocou a queda na porcentagem de ocupação dos leitos da cidade

A cidade de Araraquara (SP), uma das primeiras no estado a adotar o lockdown, não registrou nenhuma morte por coronavírus nas últimas 24 horas. De acordo com o prefeito Edinho Silva (PT), o fato é consequência da cidade ter adotado a medida há pouco mais de um mês, vigorando de forma mais rígida durante os primeiros dez dias.

A cidade de Araraquara foi uma das mais atingidas no início da segunda onda da pandemia. Seu sistema de saúde chegou a ficar com 100% dos leitos de UTI ocupados, e foram registradas 113 mortes por covid-19 somente em janeiro e fevereiro, mais do que a soma inteira do ano passado, que foi de 92 óbitos.

“Araraquara fez o que a ciência diz que tem que fazer. E depois de um longo período, hoje Araraquara não registrou nenhum óbito. E depois de ter índice de contaminação de 53%, ontem tivemos 7% de positivação”, afirmou Edinho ao lado do vice-governador Rodrigo Garcia (DEM), durante entrevista coletiva do governo de São Paulo.

O prefeito afirmou também “que o isolamento social é uma medida dura. Só é tomada quando não há outro instrumento. Se ainda não temos celeridade na vacinação, o que nos resta é o isolamento social”, acrescentou o prefeito. Durante a coletiva, foi anunciada a prorrogação da fase emergencial no estado até 11 de abril.

O lockdown, de acordo com o prefeito, também provocou a queda na porcentagem de ocupação dos leitos da cidade. Além da diminuição de mortes e novos casos no município, o prefeito disse que a pressão menor sobre o sistema de saúde tem possibilitado que Araraquara auxilie cidades vizinhas.

“Estamos tirando a pressão sobre leitos. Hoje 57% dos pacientes são da região. Hoje estamos ajudando cidades da região. Então fica minha gratidão ao governo [paulista] e o orgulho da cidade que abraçou o lockdown quando ele precisava ser feito. E por isso estamos colhendo resultados”, concluiu o prefeito.

Com informações do UOL

Avatar de Julinho Bittencourt

Julinho Bittencourt

Jornalista, editor de Cultura da Fórum, cantor, compositor e violeiro com vários discos gravados, torcedor do Peixe, autor de peças e trilhas de teatro, ateu e devoto de São Gonçalo - o santo violeiro.

Você pode estar junto nesta luta

Fórum é um dos meios de comunicação mais importantes da história da mídia alternativa brasileira e latino-americana. Fazemos jornalismo há 20 anos com compromisso social. Nascemos no Fórum Social Mundial de 2001. Somos parte da resistência contra o neoliberalismo. Você pode fazer parte desta história apoiando nosso jornalismo.

APOIAR