Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
09 de janeiro de 2020, 15h04

Acusado por Bolsonaro de incendiar a Amazônia, Leonardo DiCaprio salva homem perdido no mar

DiCaprio estava em um barco alugado com a namorada e um grupo de amigos, quando ficou sabendo que um homem havia caído de um iate no mar do Caribe e se mobilizou para ajudar

Leonardo-DiCaprio (Foto: Cia Pak/ UN)

Acusado por Jair Bolsonaro e pelo filho, o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), de patrocinar os incêndios na Amazônia em 2019, o ator Leonardo DiCaprio salvou a vida de um homem que tinha caído de um barco no mar. O episódio ocorreu em dezembro, durante viagem do ator ao Caribe.

De acordo com a revista People, DiCaprio, de 45 anos, estava em um barco alugado com a namorada e um grupo de amigos, quando ficou sabendo que um homem havia caído de um iate e se mobilizou para ajudar.

Segundo uma fonte consultada pela revista, DiCaprio, “seus amigos e o capitão do barco decidiram participar da busca e seus esforços resultaram no salvamento de uma vida”.

A People divulgou que o homem estava há 11 horas na água e foi encontrado com vida uma hora antes do anoitecer, quando caiu uma tempestade.

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum