Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
14 de junho de 2019, 08h50

Diretor que viu carreira desabar após apoiar Bolsonaro é convidado pelo governo “para reconstruir a cultura nacional”

Na mesma postagem em que comemora o convite, o diretor compartilha manchete da Fórum: “essa chamada abaixo da Revista Fórum é uma mostra asquerosa desse combate...”

Roberto Alvim (Foto: Edson Kumasaka/ Divulgação)

O choro do diretor de teatro Roberto Alvim, aquele que viu sua carreira desabar por ter apoiado a campanha do presidente Jair Bolsonaro, parece ter dado certo. O diretor anunciou, através de sua conta do Facebook, nesta quinta-feira (13) que recebeu uma ligação do presidente Jair Bolsonaro.

“Darei em breve mais notícias sobre as coisas BELAS e IMENSAS que essa conversa vai gerar!”, exclamou, sem revelar do que se tratava.

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo

Na manhã desta sexta-feira, Alvim avisou em outra postagem que foi chamado por Osmar Terra, ministro da Cidadania, cujo ministério encampou o ministério da Cultura, que foi extinto por Bolsonaro: “estou indo pra Brasília semana que vem pra começarmos a organização de algo que pretende reconstruir a cultura nacional”.

Na mesma postagem, o diretor compartilha manchete da Fórum sobre o assunto de maneira crítica: “essa chamada abaixo da Revista Fórum é uma mostra asquerosa desse combate…”.

O diretor conta, em entrevista, que era de esquerda, amigo de Chico Buarque, entre outros e, depois que resolveu apoiar Bolsonaro, afirma que a classe teatral lhe deu as costas.

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum