quarta-feira, 23 set 2020
Publicidade

Facada Fest ganha edições pelo Brasil após perseguição de Sergio Moro

Perseguido por Sergio Moro, que mandou abrir investigação por causa de cartazes que satirizam Jair Bolsonaro, o Facada Fest, que acontecia originalmente em Belém, no Pará, ganhou novas edições em diversas cidades do Brasil.

No Rio de Janeiro, o festival de música punk será realizado no dia 14 de março “em solidariedade aos amigos do Facada Fest, contra a censura, contra o fascismo , os fascistas e todo tipo de intolerância”.

O cartaz da versão carioca do Facada Fest traz Jair Bolsonaro como Hitler ao lado do governador Wilson Witzel e do prefeito, Marcelo Crivella, que é bispo licenciado da Universal.

https://www.facebook.com/events/139895633949064/

O evento também ganhou uma versão gaúcha, que acontece no mesmo dia 14 na cidade de Caxias do Sul. Organizado pelo 281 Porão do Kaos, o facada satiriza a ação de Moro contra o festival de Belém.

https://www.facebook.com/events/505040873383885/permalink/505046486716657/

Em Araçatuba, no interior de São Paulo, um festival que já estava marcado para o dia 18 de abril teve o nome alterado para Facada Fest “como um ato de resistência a esse estado opressor e fascista”.

https://www.facebook.com/events/1024158694631341/
Redação
Redação
Direto da Redação da Revista Fórum.