segunda-feira, 21 set 2020
Publicidade

Kanye West posta vídeo onde faz xixi em estatueta do Grammy e detona indústria da música

Ele classificou o controle das gravadoras musicais sobre as músicas dos artistas uma forma de "escravidão moderna"

O rapper Kanye West postou em sua conta do Twitter um vídeo, nesta quarta-feira (16), fazendo xixi em um prêmio Grammy. Na legenda, apenas uma frase: “Acreditem em mim… Não vou parar”.

Além do vídeo, ele também publicou fotos de seus contratos com uma série de produtoras musicais, entre elas a Universal e a Sony Music, alguns deles de milhões de dólares. Na legenda, outra provocação: “Será que a Universal vai me ligar? Prometo que tenho mais ideias … Não vou parar”.

“Eu sei que muitos músicos não têm permissão de falar alguma coisa, mas eu não posso ser silenciado ou cancelado então eu vou dizer tudo como sempre”, disse.  Ele classificou o controle das gravadoras musicais sobre as músicas dos artistas uma forma de “escravidão moderna”.

Kanye criticou ainda a baixa remuneração que músicos recebem em seus contratos com gravadoras: “nós ficamos confortáveis em não ter o que merecemos. Eles nos deixam ter pouco dinheiro das turnês”.

“90% dos contratos de gravação no planeta ainda estão em royalties. Um contrato de gravação padrão é uma armadilha para NUNCA recuperá-lo, e há todos esses custos ocultos como as ‘taxas de distribuição’, que muitas gravadoras colocam em seus contratos para ganhar ainda mais dinheiro fora do nosso trabalho, mesmo sem tentar”, escreveu West.

Kanye West recebeu, ao longo de sua carreira, 124 prêmios em 387 indicações, incluindo 21 Grammy’s Awards. 

Julinho Bittencourt
Julinho Bittencourt
Jornalista, editor de Cultura da Fórum, cantor, compositor e violeiro com vários discos gravados, torcedor do Peixe, autor de peças e trilhas de teatro, ateu e devoto de São Gonçalo - o santo violeiro.