Fórum Educação
31 de março de 2020, 16h39

Ex-diretor da Band faz comentário racista contra Maju Coutinho: “Só está lá por causa da cor”

Rodrigo Branco também dirigiu ofensas racistas contra uma participante do BBB; depois, pediu desculpas e apagou sua conta do Instagram

Rodrigo Branco e Maju Coutinho (Montagem)

O empresário Rodrigo Branco, conhecido como “prefeito de Orlando”, apagou sua conta no Instagram após ser acusado de racismo por comentários proferidos em live do Instagram na última segunda-feira (30).

Branco sugeriu que a jornalista da Globo, Maju Coutinho, “só está lá por causa da cor” e também dirigiu comentários racistas à participante do BBB Thelma.

Branco trabalhava como diretor da Band e hoje mora em Orlando, nos Estados Unidos, onde é guia turístico para famosos que visitam a cidade. O empresário realizava uma live na companhia da DJ Jude Paulla, em que os dois conversaram sobre o Big Brother Brasil 2020.

Após Jude afirmar que torcia para Thelma, uma das únicas competidoras negras, Branco afirmou que “torcer por Thelma é racismo”. Branco ainda tentou explicar: “Todo mundo está votando nela porque ela é negra, coitada. Ela semana passada ganhou uma provinha, ficou se achando e humilhou todo mundo”.

Depois de Jude discordar, Branco ampliou os insultos na tentativa de se justificar, dirigindo-se, dessa vez, à jornalista Manu Coutinho. “Ela é péssima, é horrível. Eu assisti hoje e ela fala tudo errado. Ela só está lá por causa da cor”, diz. “Qual a carreira dela? A carreira dela foi ser xingada”.

Branco ainda afirmou que Maju “fala tudo errado” e “lê o TP errado”.

A equipe de Thelma, a participante do BBB que também foi atacada pelo empresário, se posicionou sobre o acontecido no Twitter: “Negros quando se posicionam viram monstros e arrogantes, quando conquistam é por pena ou pela cor”.

Branco, que tinha mais de 1 milhão de seguidores no Instagram, chegou a publicar o pedido de desculpas antes de apagar as contas das redes sociais, nesta terça-feira (31). “Eu queria falar uma coisa e falei outra, fui totalmente racista”, disse.

Jude também publicou um vídeo em sua conta no Instagram, dizendo que estava fazendo a live apenas para descontrair e que “às vezes o racismo pega a gente de surpresa”. Ela afirmou que havia ficado sem reação, e garantiu que não cultivava pessoas preconceituosas em seu círculo de amizade. A DJ ainda publicou um texto sobre o assunto.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum