CNN Brasil divulga fake news sobre a Venezuela

Informação falsa difundida pelo editor de Internacional do canal é baseada em mentira que havia sido compartilhada por Carlos Bolsonaro na terça-feira; eleições no país são no próximo dia 6

A CNN Brasil difundiu informações falsas sobre a Venezuela nesta sexta-feira (27) ao comentar sobre a Black Friday no país. O editor de Internacional da emissora, Marcelo Favalli, disse que o governo de Nicolás Maduro garantiu que o vírus não se manifestaria durante a próxima semana, o que não ocorreu.

“Isso é a consequência dada por uma declaração do Governo Federal dizendo o seguinte: ‘olha, a gente vai suspender a quarentena essa semana porque o vírus não vai se manifestar essa semana’. Eu juro para vocês que o governo disse isso”, disse Favalli durante o programa Prime Time.

O eufórico comentário de Favalli – que disse ter “deixado o melhor para o final” em sua participação no programa – se baseia em uma notícia falsa de que o governo venezuelano teria flexibilizado a quarentena por um suposto acordo de Nicolás Maduro com o vírus pelos próximos sete dias. Isso é falso e foi desmentido até mesmo pelo portal Boatos.org.

O cantor bolsonarista Roger, do Ultraje a Rigor, e o vereador Carlos Bolsonaro, filho do presidente Jair Bolsonaro, foram alguns dos expoentes brasileiros que difundiram essa informação mentirosa, que começou após uma montagem feita pela oposição venezuelana contra a vice-presidenta Delcy Rodríguez. Veja prints no final da matéria.

A informação sobre a flexibilização, no entanto, é verdadeira. Maduro anunciou no início da semana a iniciativa após o país passar por uma “quarentena radical” desde março. Em junho, essa quarentena foi modificada para um sistema de rodízio de 7 dias de flexibilização e 7 dias de restrição.

O presidente anunciou que em dezembro o país passaria por um relaxamento de fim de ano em razão dos números estarem sob controle. O mandatário, no entanto, advertiu que os sistema de rodízio pode voltar em janeiro.

Mesmo assim, Maduro insiste na adoção de medidas de segurança sanitária – diferente do presidente Jair Bolsonaro.

“Em razão dos excelentes resultados que o nosso método 7 + 7 Plus têm alcançado, anuncio que todo o mês de dezembro será um mês de flexibilização segura. Peço ao povo a máxima conscientização, o uso correto da máscara e a manutenção de medidas preventivas para evitar contágios”, declarou o presidente venezuelano em rede nacional.

Eleições

Com a aproximação das eleições parlamentares da Venezuela, diversas fake news tem começado a circular com o objetivo de afetar o resultado do pleito. A votação ocorre no dia 6 de dezembro.

Com informações da Agência Telam, do LA Times e TeleSur

Assista:

Avatar de Lucas Rocha

Lucas Rocha

Jornalista da Sucursal do Rio de Janeiro da Fórum.

Em 2021, escolha a Fórum.

Todos os dias Fórum publica de 80 a 100 matérias desde às 6h da manhã até à meia-noite. São 18h de textos inéditos feitos pela equipe de 10 jornalistas da redação e também por mais de três dezenas de colaboradores eventuais.

E ainda temos 3 programas diários no YouTube. O Fórum Café, com Cris Coghi e Plínio Teodoro, o Fórum Onze e Meia, com Dri Delorenzo e este editor, e o Jornal da Fórum, com Cynara Menezes. Além de vários outros programas semanais, como o Fórum Sindical, apresentado pela Maria Frô.

Tudo envolve custos. E é uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Por isso, neste momento que você está renovando suas escolhas e está pensando em qual site apoiar neste ano, que tal escolher a Fórum?

Se fizer isso, além de garantir tranquilidade para o nosso trabalho, você terá descontos de no mínimo 50% nos cursos que já temos em nossa plataforma do Fórum Educação.

É fácil. Clique em apoiar e escolha a melhor forma de escolher a Fórum em 2021.

Renato Rovai
Editor da Revista Fórum

APOIAR