Crime choca Liverpool: menina de 12 anos é assassinada por garoto de 14

Morte ocorreu durante o evento de inauguração das luzes de natal, no centro da cidade que ficou famosa por apresentar os Beatles ao mundo. Autor foi detido junto com mais três adolescentes

Um crime bárbaro chocou o Reino Unido nos últimos dias. Ava White, uma menina de apenas 12 anos, foi assassinada a facadas na noite de inauguração das luzes de natal em Liverpool, na última quinta-feira (25). O que mais causou perplexidade nos britânicos foi a descoberta do autor do crime: um garoto de 14 anos.

Por razões legais, o nome do homicida não foi revelado pela polícia da cidade que ficou famosa no mundo inteiro por ser o berço dos Beatles. Após a detenção do suspeito, que está preso num centro para menores, outros três adolescentes, de 13 a 15 anos, foram presos e apresentados à corte local, que estabeleceu uma fiança condicional, visto que os investigadores ainda não têm certeza da participação deles no bárbaro crime.

Segundo as autoridades de Liverpool, no exato momento em que as luzes de natal foram acessas a garota recebeu os golpes de arma branca e caiu no chão. Ela foi encontrada com o que a polícia chamou de “ferimentos catastróficos”. Mesmo socorrida numa unidade de saúde próxima, Ava não resistiu à gravidade das perfurações e morreu.

A linha de investigação aponta para uma discussão entre esses adolescentes e pré-adolescentes, que teria evoluído para a agressão com golpes de faca. A menina estudava no 6° ano da tradicional escola católica Notre Dame, na mesma cidade.

Colegas de Ava White descreveram a menina como muito popular e com um grande grupo de amigos muito fiéis a ela.

A juíza da corte de Liverpool que assumiu o caso informou à imprensa que o processo será remetido ao Tribunal da Coroa Britânica, a única jurisdição do país que pode julgar casos de homicídio.

Avatar de Henrique Rodrigues

Henrique Rodrigues

Jornalista e professor de Literatura Brasileira.