Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
16 de novembro de 2019, 15h52

Deputado denuncia acordo assinado por golpistas na Bolívia para isentar violência das Forças Armadas

Acordo assinado pela presidenta autoproclamada Jeanine Añez isenta as Forças Armadas de responsabilidade penal por mortos e feridos durante os protestos contra o golpe

Reprodução/Twitter
O deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS) foi às redes sociais neste sábado (16) para denunciar um acordo assinado pela presidenta autodeclarada da Bolívia, Jeanine Añez, assim como demais parlamentares golpistas do país, isentando as Forças Armadas de responsabilidade penal por mortos e feridos durante os protestos de rua contra o golpe. Documento foi assinado na quinta-feira (14).
“Golpistas na Bolívia colocados no poder por Luis Almagro [presidente da OEA]  assinam decreto que ISENTA de responsabilidade penal as Forças Armadas por qualquer coisa que acontecer nas ruas. Ou seja, é um decreto que dá licença para matar o povo na rua. As mortes estão na conta da OEA”, escreveu o deputado.
A quantidade de mortos e feridos por violência policial na Bolívia tem assustado autoridades internacionais. Neste sábado (16), a alta comissária da ONU para Direitos Humanos, Michelle Bachelet, denunciou a repressão e o uso excessivo da força policial no país. A Organização ainda reconhece pelo menos 17 mortes decorrentes dos protestos, sendo 14 apenas nos últimos seis dias, período que sucedeu o golpe contra Evo Morales no último domingo (10).

“Temos informações de que pelo menos 17 pessoas morreram no contexto dos protestos, incluindo 14 nos últimos seis dias”, disse Bachelet, também alertando que a situação no país pode “sair do controle”.

Confira o documento:


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum