Ouça o Fórumcast, o podcast da Fórum
30 de novembro de 2019, 07h32

Eduardo Bolsonaro ataca Estadão e sustenta que Leonardo DiCaprio “tacou fogo” na Amazônia

Em viagem a Dubai, nos Emirados Árabes, Eduardo Bolsonaro foi às redes sustentar a tese criada por ele e mostrou total desconhecimento de jornalismo e do caso que envolve a prisão de brigadistas no Pará

Leonardo DiCaprio e Eduardo Bolsonaro, em viagem a Dubai (Montagem)

Em viagem a Dubai, nos Emirados Árabes, o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) foi às redes na manhã deste sábado (30), horário do Brasil, para atacar reportagem do jornal O Estado de S.Paulo e sustentar sua tese de que o ator Leonardo DiCaprio como um dos responsáveis pelas queimadas na Amazônia.

“O @Estadao insinua que Jornal do SBT @SBTonline e Jornal da Band @BandJornalismo fazem matérias sem provas”, tuitou o filho do presidente, compartilhando a reportagem do Estadão que diz “Sem mostrar provas, Bolsonaro acusa Leonardo DiCaprio de pagar para ‘tacar fogo’ na Amazônia”.

Eduardo mostra total desconhecimento de jornalismo e do caso, já que as reportagens do SBT e da Bandeirantes apenas informam sobre a prisão dos brigadistas no dia 26 de novembro – e não mostram “provas”, até mesmo porque o jornalismo conta fatos e não apresenta “provas”, que cabe aos órgãos de investigação.

Já a matéria do Estadão revela as acusações feitas por Eduardo e seu pai, Jair Bolsonaro, de que o ator teria financiado as queimadas na Amazônia – declarações sem prova alguma, já que nem mesmo o frágil inquérito policial não fala sobre a tese, levanta pelo próprio deputado em seu Twitter.

DiCaprio
A reportagem do Estadão menciona a declaração de Bolsonaro durante a live semanal na quinta-feira (28), que reforçou a tese levantada pelo filho que aponta o ator Leonardo DiCaprio como um dos responsáveis pelas queimadas na Amazônia.

“Uma ONG ali pagou R$ 70 mil por uma foto fabricada de queimada. O que é mais fácil? ‘Toca’ fogo no mato. Tira foto, filma, manda para a ONG, a ONG divulga, entra em contato com o Leonardo DiCaprio e o Leonardo DiCaprio doa US$ 500 mil para essa ONG. Leonardo DiCaprio, você está colaborando com as queimadas na Amazônia”, declarou o presidente.

No entanto, a fragilidade das investigações que apontam que os ambientalistas colocaram fogo em um incêndio, que eles mesmo apagaram, fez o juiz responsável pelo caso voltar atrás e determinar a soltura dos acusados.

A repercussão negativa em jornais como New York Times, Washington Post e The Guardian também foi pontuada pelo JN. O ator não se manifestou sobre o caso.

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum