Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
11 de abril de 2019, 16h24

Em nota, PT repudia prisão de Assange: violação de direitos humanos

“Tal prisão contraria as convenções internacionais relativas à proteção de asilados e refugiados, bem como se confronta a Constituição do Equador”, diz a mensagem

Foto: Reprodução

O PT divulgou nesta quinta-feira (11) uma nota de repúdio à prisão do fundador do WikiLeaks, Julian Assange, detido pela polícia britânica na embaixada do Equador, em Londres, no Reino Unido, onde estava asilado desde 2012.

Vejam a íntegra da nota:

Como fundador do WikiLeaks, Assange contribuiu para revelar os casos de espionagem em marcha pelo governo dos Estados Unidos, como foi o caso da presidenta Dilma e da Petrobras, cujas consequências para a soberania nacional de nosso pais vivemos ainda nos dias atuais.

Outros documentos da diplomacia norte-americana revelados pelo WikiLeaks demonstram a responsabilidade do governo dos EUA em desestabilizar regimes e governos violando a soberania dos estados nacionais.

Tal prisão contraria as convenções internacionais relativas à proteção de asilados e refugiados, bem como se confronta a Constituição do Equador, a qual, em seu artigo 79, proíbe a extradição de nacionais, que é o caso de Assange, a quem foi concedida a cidadania equatoriana.

O atual governo equatoriano viola princípios fundamentais de proteção aos direitos humanos da ONU e da Corte Interamericana de Direitos Humanos ao entregar um cidadão equatoriano que estava dentro da embaixada de seu próprio país, inaudita na história diplomática mundial.

O Partido dos Trabalhadores envia a sua solidariedade aos familiares e amigos de Julian Assange, bem como aos integrantes do WikiLeaks.

Comissão Executiva Nacional do Partido dos Trabalhadores


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum