Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
05 de março de 2019, 19h55

Governo da Austrália proíbe entrada de condenados por violência doméstica

Em 2015, a Austrália já havia negado visto ao cantor pop Chris Brown para se apresentar no país. Em 2009, Brown espancou a cantora Rihanna, sua namorada na época.

O governo da Austrália decidiu proibir a entrada ou expulsar visitantes que foram condenados por violência doméstica. Uma nova lei sobre o assunto entrou em vigor na quinta-feira (28). A lei baseia-se em legislação já existente, que prevê que pessoas condenadas a pelo menos um ano de prisão não podem entrar no país.

Segundo o ministro australiano da Imigração, David Coleman, não será concedido visto para os condenados e punidos por violência doméstica em qualquer país e os estrangeiros condenados na Austrália por este crime serão expulsos sem considerar o tempo de punição.

Coleman, enfatizou a tolerância zero à violência contra mulheres ou crianças na Austrália: “Onde quer que o crime ocorra, não importa quanto tempo durar sua prisão, a Austrália não tolerará perpetradores de violência doméstica” disse, em entrevista ao jornal australiano Herald Sun no domingo (3).

Em 2015, a Austrália já havia negado visto ao cantor pop Chris Brown para se apresentar no país. Em 2009, Brown espancou a cantora Rihanna, sua namorada na época. Ele foi condenado e cumpriu pena pela agressão.

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum