Para diretor da OMS, Covid-19 expôs desigualdades, exclusão e nível de pobreza no mundo

Em mensagem de final de ano, Tedros Adhanom pede que países busquem cobertura universal de saúde para suas populações

Em uma mensagem de final de ano publicada nesta terça-feira (29), o diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom, pediu que os países trilhem o caminho que leve a uma cobertura universal de saúde para suas populações. Ele usou a hashtag em inglês #HealthForAll para sua campanha.

O executivo afirma, em sua postagem, que a Covid-19 expôs “nossas sociedades, os problemas que temos, o nível de desigualdade, o nível de pobreza, o nível de exclusão”.

Na avaliação de Tedros, no futuro, investir em saúde “será uma prioridade para todos os países”.

No vídeo que acompanha a publicação, Tedros ainda pede que o mundo escolha paz, solidariedade e cuidar uns dos outros. “Assim, os problemas e dificuldades de 2020 ficarão para trás e teremos um 2021 melhor. Vamos mudar para melhor.”

 Veja a publicação e o vídeo.

Avatar de Fabíola Salani

Fabíola Salani

Graduada em Jornalismo pela Universidade Metodista de São Paulo. Trabalhou por mais de 20 anos na Folha de S. Paulo e no Metro Jornal, cobrindo cidades, economia, mobilidade, meio ambiente e política.

Em 2021, escolha a Fórum.

Fazer jornalismo comprometido com os direitos humanos e uma perspectiva de justiça social exige apoio dos leitores. Porque se depender do mercado e da publicidade oficial de governos liberais esses projetos serão eliminados. Eles têm lado e sabem muito bem quem devem apoiar.

Por isso, neste momento que você está renovando suas escolhas e está pensando em qual site apoiar, que tal escolher a Fórum?

Se fizer isso, além de garantir tranquilidade para o nosso trabalho, você terá descontos de no mínimo 50% nos cursos que já temos em nossa plataforma do Fórum Educação.

Renato Rovai
Editor da Revista Fórum

APOIAR