Polícia confirma morte de mulher alvejada durante invasão do Congresso dos EUA

Ao menos 13 apoiadores de Trump foram presos após o ataque à sede do Poder Legislativo estadunidense

A mulher que foi alvo de um tiro durante a invasão do Congresso dos Estados Unidos por apoiadores do presidente não-reeleito Donald Trump na tarde desta quarta-feira (6) não resistiu no hospital e veio a óbito.

“Sim, a mulher adulta que foi baleada dentro do Capitólio foi declarada [morta] em um hospital da área”, disse Dustin Sternbeck, porta-voz do Departamento de Polícia Metropolitana de Columbia, segundo a CNN.

Informações da NBC News apontam que a mulher foi alvo de um tiro de um “agente da lei”. Até o momento não ficou claro se ela faz parte dos invasores do local ou se faz parte da equipe de funcionários. A polícia investiga o que ocorreu.

A Polícia também informa que ao menos 13 invasores armados foram presos.

Trump

Após publicar um vídeo em que diz que “ama” os golpistas, Trump voltou a defender os manifestantes no Twitter. “Estas são as coisas e eventos que acontecem quando uma vitória eleitoral esmagadora é roubada de forma tão cruel e sem cerimônia”, ele tuitou.

O tuíte foi apagado pela rede social por violar as regras da plataforma.

Com informações da NBC, da CNN, do New York Times e do The Guardian

Notícias relacionadas

Nada encontrado

Avatar de Lucas Rocha

Lucas Rocha

Jornalista da Sucursal do Rio de Janeiro da Fórum.

Em 2021, escolha a Fórum.

Fazer jornalismo comprometido com os direitos humanos e uma perspectiva de justiça social exige apoio dos leitores. Porque se depender do mercado e da publicidade oficial de governos liberais esses projetos serão eliminados. Eles têm lado e sabem muito bem quem devem apoiar.

Por isso, neste momento que você está renovando suas escolhas e está pensando em qual site apoiar, que tal escolher a Fórum?

Se fizer isso, além de garantir tranquilidade para o nosso trabalho, você terá descontos de no mínimo 50% nos cursos que já temos em nossa plataforma do Fórum Educação.

Renato Rovai
Editor da Revista Fórum

APOIAR